Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

… Até à lua

… Até à lua

desabafos que não posso ter contigo ...

Sinto-me uma espécie de comboio de alta velocidade

Estou cansada... Muito cansada mesmo. Sinto uma leve moinha na minha cabeça, umacontratura enorme no meu omoplata direito... As letras já me parecem turvas...cansaço,

03.jpg sim eu sei!!! Mas sinto-me numa espécie de comboio de alta velocidade que só pode parar na paragem final, até lá não há estações ou apeadeiros ( uma metáfora estúpida mas a única que me veio à mente)

Eram 00h34 quando me deitei no sofá ao teu lado. Hoje estive ausente, muito mesmo mas teve de ser meu amor. As coisas na minha cabeça não fazem sentido, preciso de uma direção , de um caminho. Fui a procura mas voltei com 0 soluções. Acredito na ciência mas ela está a falhar-me. Achei que tinha feito um acordo justo com o Deus mas sinto - me sozinha... ( desculpe se estou a ser injusta). Enquanto penso em tudo isto o teu cheiro invade-me ( e olha que o meu nariz está demasiadamente entupido)... Só me apetece olhar-te nos olhos e dizer:"vamos apenas ser felizes...."
Estou confusa, perdida no meio de termos demasiadamente complexos para as minhas capacidades . No meu mundo o ser obstinada e o ter força de vontade era por si só suficiente mas neste mundo onde estou inserida atualmente é indiferente.n consigo aceitar o que nos está a acontecer! há 6 meses vivíamos o nosso sonho cor de rosa...não consigo aceitar que eu n posso fazer "um pouco mais"... Mas o quê?? Sou tão impotente , tão incapaz ! Sempre fui eu a resolver tudo na nossa vida... Era preciso tratar da tv cabo que foi cortada, eu ia e resolvia , a multa da segurança social ...nada que não resolvesse, o banco que não Avisou dos cancelamentos dos débitos direitos, não te preocupes porque o homem do banco vai ter de me ouvir ... Agora isto??? Falta- me saber... O saber que nem mm os médicos têm...

Wooow o meu telefone toca, olho p o ecran e vejo o teu nome. Tas no quarto.atendo preocupada e oiço: "então? Estou à tua espera.... "Largo tudo e já estou a ir aninhar -me a ti meu amor.